BIORREFINARIA – A Nova Fronteira do Conhecimento Agrícola e Industrial

Publicado em

O conceito de sustentabilidade, muito visado nos últimos anos, está ligado à substituição de fontes esgotáveis por fontes renováveis de energia. Neste caminho da sustentabilidade, se encaixa o conceito de biorrefinaria, que visa converter biomassa em biocombustíveis, bem como bioenergia e bioprodutos de interesse comercial, a fim de encontrar uma solução que combine viabilidade econômica com uma produção ambientalmente amigável.

O Brasil vem se destacando como um excelente empreendedor de agricultura agroenergética, principalmente, devido à diversificação de biomassas cultivadas, as condições edafoclimáticas favoráveis ao cultivo e a grande extensão territorial. Culturas como, algodão, arroz, banana, batata, café, cana-de-açúcar, eucalipto, milho, soja, trigo e outras, que são amplamente cultivadas no país, veem chamando atenção não apenas pela sua produtividade, como também na geração significativa de resíduos vegetais e industriais produzidos.

Esses resíduos (vegetais e industriais) são, em sua maioria, utilizados para uma série de benefícios agronômicos, por exemplo, na melhoria das propriedades físicas, químicas e biológicas do solo. Entretanto, em função da quantidade significativa de resíduos gerados e da composição da fibra vegetal, é possível utilizar parte desses resíduos em um aproveitamento mais nobre, tanto do ponto de vista químico quanto energético, sem que haja prejuízos aos benefícios agronômicos, através de processos de biorrefinaria.

De maneira geral, esses processos envolvem a (I) rota química – transesterificação química, hidroprocessamento, craqueamento catalítico, reações de Fischer-Tropsch etc; a (II) rota bioquímica – fermentação, digestão anaeróbica, transesterificação através de lípases para produção de biodiesel etc e; a (III) rota termoquímica – gaseificação, combustão, pirólise etc.

Trabalhos envolvendo processos de biorrefinaria ganham cada vez mais destaque com grande potencial de investimento, visto que buscam o aproveitamento sustentável da biomassa. Em outras palavras, a biorrefinaria utiliza o mesmo conceito da refinaria de petróleo, porém partindo de uma fonte renovável e tem sido identificado como a rota mais promissora para a criação de novas indústrias. Essa visão de desenvolvimento tecnológico terá grande relevância e importância no que tange a evolução dos setores agrícola e industrial, áreas prioritárias no Brasil, refletindo diretamente na geração de emprego e renda em diferentes segmentos da sociedade. Biorrefinaria – A Nova Fronteira do Conhecimento Agrícola e Industrial já começou!

Para maiores informações: Recomendo o livro “Bioenergia & Biorrefinaria: Cana-de-Açúcar & Espécies Florestais”.

REVISTA BSS – BIOREFINERY SUSTAINABLE SOLUTIONS

Publicado em Deixe um comentário em REVISTA BSS – BIOREFINERY SUSTAINABLE SOLUTIONS

O conceito de sustentabilidade, muito visado nos últimos anos, está ligado à substituição de fontes esgotáveis por fontes renováveis de energia. Neste caminho da sustentabilidade se encaixa o conceito de biorrefinaria, que visa converter a biomassa em biocombustíveis bem como bioenergia e bioprodutos de interesse comercial, a fim de encontrar uma solução que combine viabilidade econômica com uma produção ambientalmente amigável.

Diversos países vêm se destacando como um ótimo empreendedor de agricultura energética, principalmente devido à diversificação de biomassas cultivadas e as condições edafoclimáticas favoráveis ao seu cultivo. Culturas como, algodão, arroz, banana, batata, café, cana-de-açúcar, eucalipto, milho, soja, trigo, aveia, coco e outras vêm chamando atenção não apenas pela sua produtividade, como também na geração de resíduos vegetais e industriais produzidos.

Esses resíduos são, em sua maioria, utilizados para uma série de benefícios agronômicos, por exemplo, no controle de ervas daninhas, retenção de umidade, na melhoria das propriedades físicas, químicas e biológicas do solo. Entretanto, em função da quantidade significativa de resíduos gerados, da sua composição e, consequentemente do potencial químico e energético da fibra vegetal, é possível utilizar parte desses resíduos em um aproveitamento mais nobre, tanto do ponto de vista químico quanto energético, sem que haja prejuízos aos benefícios agronômicos, através de processos que envolvem as diferentes plataformas de biorrefinaria – química, bioquímica e termoquímica.
Esse conceito de biorrefinaria vem ganhando cada vez mais destaque com grande potencial de investimento e tem sido identificado como uma das rotas mais promissora para a criação de novas indústrias. Essa visão de desenvolvimento tecnológico terá grande relevância e importância no que tange a evolução dos setores agrícola e industrial da biomassa mundial, refletindo diretamente na geração de emprego e renda em diferentes segmentos da sociedade.

Pensando nesse cenário otimista, que envolve o aproveitamento integral e sustentável da biomassa através das diferentes plataformas de biorrefinaria, decidimos criar a Revista BSS – Biorefinery Sustainable Solutions. O principal objetivo é contribuir para a ampla promoção e divulgação de pesquisas e tecnologias que norteiam as diferentes rotas da biorrefinaria no cenário mundial. Serão quatro edições por ano e estarão disponíveis gratuitamente para leitura e download em diferentes países e continentes do globo terrestre. O nosso time é formado por professores e pesquisadores reconhecidos mundialmente de diferentes partes do mundo. O futuro da biorrefinaria já começou!

Para ler e/ou fazer o download gratuitamente da Revista BSS basta acessar o link abaixo:

https://www.energybss.com/revista

Sumário:

 Lignin depolymerization for chemical applications: strategies & technologies

 Extraction of proanthocyanidins, tannins and other phenoliccompounds from pine bark – A contribution to sustainable forest

 Study of rice husk, eucalyptus chips and leather shavings as feedstock for power generation by co-firing

 Microalgae bio-refinery: the hidden fuel reap

 Banana peel usage as a potential biosorbent for heavy metals removal from effluent

 Biorefinery: technologies and perspectives

 Catalvalor – from the research project to innovcat company

 Biosorpition of hexavalent chromium in microalgae inactive biomass

Como Editor Chefe entendo que a Revista BSS seja uma oportunidade exclusiva para conectar com especialistas que estão moldando o futuro da Biomassa e Biorrefinaria.

Boa leitura!

Prof. Dr. Fernando Santos